domingo, 11 de novembro de 2012

Ultraman [1966]


Após estabelecer as bases de um mundo de ficção onde fenômenos bizarros, mutações misteriosas e formas de vida alienígenas tinham se tornado bastante comuns, motivando investigações especiais e operações estratégicas de defesa dedicadas exclusivamente para esses assuntos, em Ultra Q (uma série sobre um grupo de pessoas que solucionava mistérios sobrenaturais, envolvendo fantasmas, alienígenas e monstros gigantes, comparável a "Além da Imaginação" e "Arquivo X"), a Tsuburaya continuou a desenvolver cenários neste campo da fantasia e aventura, imaginando mais monstros gigantes.



Outros conceitos que foram considerados pela Tsuburaya, antes de Ultra Q, incluíam Unbalance (ocorrências incomuns envolvendo fenômenos desconhecidos) e Woo (as aventuras de uma misteriosa entidade fantasma extraterrestre que vem à Terra). O constante desenvolvimento de idéias após Ultra Q foram de Bemlar (as aventuras de uma criatura alada gigante, dotada de inteligência, que combateria outros monstros na Terra) a Redman (um herói com aparência humanóide), até chegarem na criação definitiva, aquele que se tornaria um dos mais adorados super-heróis do Japão: ULTRAMAN!


Numa matéria publicada num jornal americano, escrita por Akiko Fukami, Noboru Tsuburaya, o segundo filho de Eiji Tsuburaya, relatou que a idéia surgiu repentinamente, ao concluírem que para a próxima série deveria haver mais monstros gigantes, e que precisavam de algo para derrotá-los. Mas se as forças de Auto-Defesa fizessem o trabalho a estória não se enquadraria dentro da estrutura de 30 minutos da série. Então, optaram por trazer alguém do espaço sideral e dizer: ele só pode ficar na Terra para combater os monstros por 3 minutos. Em outras palavras: se não houvesse o limitador de 30 minutos, talvez eles nunca tivessem criado o Ultraman.

Ultraman foi uma criação revolucionária que gerou um legado de proporções imensuráveis. O seu conceito ímpar se tornou o precursor de um gênero inteiro de super-heróis que povoaria a televisão japonesa por décadas e criou uma sensação cultural japonesa que lhe garantiu um lugar de destaque na história. A série estreou na rede TBS, tendo 39 episódios coloridos exibidos no horário das 19:00 às 19:30 h, de 17 de julho de 1966 a 09 de abril de 1967.



A hoje lendária estória do Ultraman apresenta o visitante Ultra como um agente interestelar da lei, do sistema galáctico da Nebulosa M-78, que estava perseguindo um monstro fugitivo - o Monstro Bemlar - quando sua perseguição o leva até a Terra, onde ele, acidentalmente, colide com a nave Delta VTOL (Vertical Take-Off and Landing) pilotada pelo oficial Hayata, da Patrulha Científica, no primeiro episódio: "O Invasor das Galáxias" (dirigido por Hajime Tsuburaya e escrito por Tetsuo Kinjo e Shinichi Sekizawa).

"Sempre que estiver em perigo, use a Cápsula Beta, e você, Hayata, se transformará no Ultraman, Ultraman, Ultraman!!!"

Para compensar o acidente trágico, o alienígena, um habitante da "Terra da Luz", usa seu poder para oferecer sua própria vida a Hayata e ressuscita o terráqueo com a habilidade de convocá-lo ao pressionar o botão localizado na lateral da Cápsula Beta, que realiza a troca entre eles, quando Hayata a ergue em sua mão. Compartilhando a mesma vida, os dois se tornam um só, e em situações de extremo perigo, Hayata usa a Cápsula Beta para se transformar no Ultraman. Contudo, o gigante de 40 metros só pode permanecer na Terra por um curto espaço de tempo, antes que a energia do seu corpo comece a diminuir, o que se torna visível quando a luz de aviso em seu peito começa a acender e apagar.

Fisicamente, na Terra, Ultraman é como um astronauta num planeta distante, e períodos prolongados de exposição ao exótico meio-ambiente terrestre, com diferentes condições, e a distância da fonte de energia solar do sol resultarão na sua morte se ele exaurir todo seu suprimento de energia numa batalha.



O famoso papel do oficial Hayata foi vivido pelo ator Susumu Kurobe cujos fãs dos filmes da Toho devem lembrar por suas pequenas aparições como antagonista, interpretando capangas, em filmes como "Three Giant Monsters"; "The Greatest Decisive Battle on Earth" (Ghidorah, o Monstro de Três Cabeças - 1964); "Revenge of King Kong" (King Kong Escapes - 1967); "The Great Operation of Latitude Zero" (Latitude Zero, 1969); e, mais recente, como o experiente Comandante do Estado-Maior das Forças Armadas da Aviação em "Godzilla vs. King Ghidorah" (1991) e "Godzilla vs. Mothra" (1992).


Hiroko Sakurai, que  trabalhou anteriormente em Ultra Q, retorna para interpretar aquela que pode ser considerada sua personagem mais popular, a Oficial Especialista em Operações de Comunicação da Patrulha Científica, Akiko Fuji. Os telespectadores dos  filmes mais recentes de Godzilla podem reconhecer também o ator Shoji Kokayashi, o Capitão Muramatsu da Patrulha Científica, muito antes de seu papel como o Diretor de Segurança do Gabinete do Primeiro Ministro, Ryuzo Dobashi, em "Godzilla vs. King Ghidorah" e "Godzila vs. Mothra".



Akihiko Hirata também aparece em vários episódios como o consultor científico, Dr. Iwamoto, e Susumu Fujita (General Iwasa em "Uchu Dai Kaiju Dogora" - 1964, General Morita em "The Earth Defense Force/The Mysterians" - 1964) faz uma aparição especial como o Chefe do Corpo das Forças de Defesa.

O roteirista Shinichi Sekizawa, que trabalhou com muitos monstros clássicos da Toho ("The Great Space War/Battle in Outer Space" - 1959, "Mothra" - 1961, "King Kong vs. Godzilla", "Mothra vs. Godzilla", etc) contribuiu para o primeiro episódio que estabeleceria os parâmetros de toda a série, e um notável diretor viu seu talento ser reconhecido nesta série, seu nome: Akio Jissoji. O uso singular das trevas por Jissoji, a iluminação dramática e sua habilidade de estabelecer o bizarro, através de suas composições surreais, marcaram de forma ímpar os episódios que ficaram sob sua direção, que foram:

  1. Episódio 14 - Operação Pérola, com o devorador de pérolas Gamakujira;
  2. Episódio 15 - Os Terríveis Raios Cósmicos, com o monstro da 2ª Dimensão, Gavadon;
  3. Episódio 22 - A Destruição da Terra, com o monstro subterrâneo, Telesdon;
  4. Episódio 23 - A Terra Natal, com o ex-astronauta humano, Jamila;
  5. Episódio 34- Um Presente do Céu, com o monstro megaton, Skydon; e
  6. Episódio 35 - O Cemitério dos Monstros, com o monstro morto-vivo, Shiboz. Todos esses episódios foram escritos por Mamoru Sasaki.


A seqüência de Jissoji no episódio 34, onde Hayata está com tanta pressa que, por engano, suspende uma colher antes de se dar conta que está segurando um talher ao invés da Cápsula Beta, realmente, criou uma controvérsia na Tsuburaya Productions a respeito das implicações desta retratação do personagem e se essa cena deveria ou não ser usada. Foi, e a decisão de usá-la, até hoje, permanece um  tópico de interesse na retrospectiva dos momentos memoráveis da série. No episódio 12 - A Múmia Está Chamando (apresentando o Homem Fera Múmia e o Grande Monstro Múmia, Dudongo - que lembra um dragão), e no episódio 13 - O Sugador de Petróleo (com a Criatura Sugadora de Óleo, Pester), Hajime Tsuburaya trabalhou ao mesmo tempo como diretor e como diretor de efeitos especiais. Geralmente, na grande maioria das vezes, os efeitos especiais  dos episódios de Ultraman eram dirigidos por Koichi Takano, que firmaria uma longa parceria na direção de efeitos para a Tsuburaya Productions.



Kunio Miyauchi, novamente, desenvolveu a música para esta série, compondo temas memoráveis, como a clássica marcha da Patrulha Científica, que continuam populares mesmo após a primeira exibição da série, recebendo várias re-orquestrações através das décadas, variando de performances da Tokyo Symphony Orchesta a discos populares e até versões no estilo rock da canção Ultraman.

Como seu superior, gostaria de saber por que permitiu que o monstro te derrotasse!
Seus poderes são muito superiores aos dele!
Um dos primeiros programas do seu tipo na televisão japonesa, Ultraman mostrava alguns monstros que eram retratados com as velhas roupas de sempre (da série anterior Ultra Q, em Preto e Branco, e  variações de algumas criaturas de filmes da Toho). No episódio 3 - O Monstro Invisível, o Monstro Transparente, Neronga, é o produto de uma remodelagem das fantasias de Baragon (de "Frankensteisn vs. Monstro Baragon" - 1965) e Pagos (do episódio 18 de Ultra Q, "The Rainbow Egg"). Esse design sofreria várias alterações e variações para  criar o monstro Gabora, do episódio 9 - O Comedor de Urânio e o monstro Maglla, que aparece rapidamente no episódio 8 - A Terra dos Monstros.



Os fãs ocidentais provavelmente estão mais familiarizados com o uso da fantasia de Godzilla do filme "Mothra vs. Godzilla", combinada com "The Great Duel in the South Sea" (Godzilla vs. the Sea Monster, 1966), para a criação do monstro Kiras (ou Jiras), no episódio 10 - O Cientisa Sinistro. Ao redor da cabeça do Godzilla, Jiras tem um enorme colar em volta do pescoço, que Ultraman arranca durante a batalha.



A roupa de Peguila de Ultra Q (episódios 5 e 14) também foi ressuscitada para Chandlar, o monstro que perde seus braços alados, brutalmente lacerados de seu corpo pelo selvagem Red King no episódio 8, e a velha roupa de Garamon (de Ultra Q, episódios 13 e 16) foi usada para retratar o pequeno e curioso Pigmon, que gentilmente arrisca sua vida para ajudar um cientista sobrevivente e a Patrulha Científica no episódio 8. Pigmon, também voltaria no episódio 37 - O Pequeno Herói, tornando-se um personagem muito querido no Japão.



O incessante desenvolvimento em variações do design do invasor Cicadaman, mostrado no episódio 16 de Ultra Q, levou a criação dos insectóides alienígenas Baltan, introduzidos no segundo episódio de Ultraman (O Ataque dos Baltans) e no episódio 16 (S.I.A. no Espaço / A Batalha no Espaço), e fazendo uma rápida aparição no episódio 33 (As Palavras Proibidas).

Os famigerados Baltans se tornariam os arqui-vilões das séries Ultra. Também conhecidos como "Os Ninjas Espaciais", seus planos tortuosos e suas ilusões mortais ameaçariam o universo repetidas vezes em várias aventuras das séries Ultra que estavam por vir.



O episódio 4 - Fúria Sobre o Mar, apresenta a volta de uma gigantesca criatura primitiva, Lagon, um Monstro Marinho Humanóide, aproveitando a espécie que foi apresentada no episódio 20 de Ultra Q: "Kaitei Genjin Ragon" (ambos escritos por Samaji Nonagase, que também dirigiu o primeiro). O alien Kemur do episódio 19 de Ultra Q fez uma breve aparição no episódio 33 de Ultraman, e a fantasia foi alterada para a forma do agente alienígena de Z-Ton, que toma o corpo do Dr. Iwamoto no episódio final - Adeus, Ultraman! -, onde também é apresentado Zoffy, o Capitão do Ultraman.


Muitos dos designs originais de outros monstros Ultra fascinariam o público japonês ao ponto de tornarem-se tão populares que competiam em sucesso com os monstros dos filmes da Toho, sendo reproduzidos em brinquedos, kits de modelagem, mangas, etc.. Monstros como Red King, o selvagem monstro "Cara-de-Caveira" (episódio 8 e episódio 25 - O Misterioso Cometa Twifon), o monstro ancestral, Gomora (episódios 26 e 27 - O Príncipe dos Monstros Parte 1 & 2), continuam populares até os nossos dias.


Embora os monstros de Ultraman tenham características diferentes no tocante aos designs, um tema se mantinha constante na série: o do monstro que, sem intenção maligna ou maldosa como motivação, tornava-se uma ameaça iminente ou futura, por causa do seu tamanho ou frente à reação de uma população aterrorizada. A raça humana é incapaz, muitas vezes por ignorância, de encontrar qualquer outra alternativa para lidar com estas forças, a não ser destruí-las tragicamente.



E é no clímax destas situações, quando o conflito se torna tão devastador e incontrolável, que os terráqueos chamam pela "salvação" extraterrestre proporcionada pelo Ultraman, que deve atuar sobre as pressões impostas sobre ele, dentro de um limite ameaçador de tempo, para salvar a raça humana da ameaça de destruição. Mas o Ultraman também compreende que nem toda ameaça tem um propósito maligno, e o próprio Noboru Tsuburaya especulou que um dos fatores que influenciaram o grande amor que o público tinha pelo Ultraman é a compreensão deste personagem, como visto na prestação de respeito às almas das criaturas mortas, mostrado através do cerimonial e do séquito simbólico, ou passagem, para o Cemitério dos Monstros, no espaço sideral (episódio 34 - Um Presente do Céu).



Após defender a Terra por inúmeras vezes, Ultraman é derrotado no combate contra o monstro Z-Ton, após o monstro danificar sua Luz de Aviso. Felizmente, a Patrulha Científica conseguiu derrotar a criatura. Zoffy, o comandante de Ultraman, vem à Terra para resgatar nosso herói, separando-o, temporariamente, de Hayata e restaurando suas vidas. Zoffy, então, leva o Ultraman para ser reenergizado em M-78.


Ultraman voltaria no episódio 38 de Ultraman Jack (Quando Brilha a Estrela de Ultra); nos episódios 1, 13,14, 26 e 27 de Ultraman Ace; episódios 1, 25, 33, 34 e 40 de Ultraman Taro; episódio 38 de Ultraman Leo; e no episódio 49 de Ultraman Tiga. Hayata, interpretado por Susumu Kurobe, apareceria novamente no episódio 38 de Ultraman Jack e nos episódios 33 e 34 de Ultraman Taro, onde Kotaroh reencontra os hospedeiros ultra que o antecederam.



Curiosidades:

  1. Susumu Kurobe, na vida real, é o pai da atriz Takami Yoshimoto que interpreta a oficial Rena Yanase de Ultraman Tiga;
  2. Foram feitos muitos trajes diferentes de Ultraman, os três usados na série são: "Tipo A" - Máscara em FRP-Latex com boca móvel (episódios 1-13); "Tipo B" - Primeiro dos trajes com peito estufado (episódios 14-29); e "Tipo C" - Peito estufado e boca sorridente (episódios 30-39);
  3. Toshi "Bin" Furuya (古谷敏), que vestia a fantasia do Ultraman, interpretou o oficial Amagi do Esquadrão Ultra, em Ultra Seven (1967);
  4. Já que a fantasia da Ultra Mother não pôde ser produzida a tempo, os ouvidos de Mother foram colocados numa velha fantasia do Ultraman para a gravação da cena em que Mother aparece no primeiro episódio de Taro;
  5. Na primeira dublagem, Hayata foi dublado pelo falecido Ari de Toledo,  as vozes de Blau-Blau (Coelho Ricochete e Blau-Blau), O Inspetor, Bacamarte (Bacamarte e Chumbinho);
  6. Na segunda dublagem, Hayata foi dublado por Afonso Amajones, o dublador do Sanosuke (Samurai X), Eric (O Corvo), Tommy (Samurai Warriors) e Tigre dos Ventos (Monster Rancher).



Ultraman - 39. Ultraman Volta ao seu Planeta [Dublagem CineCastro] por Ranger Sombra


Fontes:
GRAYS, Kevin. Kaiju Fan Online: The Fantastic Worlds of Tsuburaya Television.
MIYAKE, Marc H. Tokusatsu File 4: Ultraman (Original Series) Version 1.0 - 24/12/1995

Ficha

Título Original: ウルトラマン, Urutoraman
Produção: 17/07/1966~09/04/1967
Criação: Eiji Tsuburaya
Episódios: 39
Produtora: Tsuburaya Productions
Trilha Sonora:  Kunio Miyauchi
Emissoras no Brasil: Bandeirantes, Tupi, SBT e Manchete

Elenco:


Episódios

2 comentários:

dejair junior disse...

Muito legal rever o último episódio com a dublagem original. Tenho a série com a dublagem posterior, também muito boa, mas...a original traz a noslagia mais a tona! Parabéns por todo o post.

Alejandro Marquez disse...

buen resume de ultraman y formo parte de mi bella infancia gracias japon de corazon yo pedro alejandro marquezanuel

Postar um comentário

 
Copyright 2011 @ Blog do Ranger Sombra!
Design by Wordpress Manual | Bloggerized by Free Blogger Template and Blog Teacher | Powered by Blogger