domingo, 7 de abril de 2013

Jerry Lewis (desenho)


        Produzido pelo estúdio Filmation em 1970, o desenho trazia uma versão animada do famoso ator e comediante Jerry Lewis, que no desenho era filho de um inventor maluco chamado Professor Lewis e tinha uma irmã caçula chamada Geraldine.


        Jerry trabalhava em uma agência de empregos, tendo como patrão um homem extremamente grosseiro e linha dura chamado Sr. Barrafunda, que encarregava Jerry das mais inusitadas missões, desde conseguir fazer sozinho todo o espetáculo em um circo até tomar o lugar de um astronauta em uma viagem à lua. Jerry sempre ia de bicicleta para o trabalho e namorava sua colega, uma jovem datilógrafa ruivinha chamada Rhonda, que também era secretária do Sr. Barrafunda.


aqui vemos o Professor Lewis, pai de Jerry e Geraldine

        O professor Lewis, pai de Jerry, era tão maluco quanto ele e vivia metido nos mais mirabolantes inventos, como numa vez em que ele não aguentava mais chorar quando cortava cebolas e cria um mirabolante aparelho para cortar as cebolas, porém o aparelho foge do controle e acaba destruindo toda a casa. Jerry e Geraldine tinham como animais de estimação um cachorro e um sapo.



a imagem acima mostra Jerry na companhia de seu pai, seus tios e seu primo, de origem oriental

        Além do núcleo principal, havia também outros personagens que apareciam em alguns episódios, incluindo quatro tios de Jerry: um deles era um ás da aviação e neurótico de guerra, outro era um malandro fanfarrão que só se metia encrenca, outro era um jogador vigarista que fazia qualquer coisa para ganhar dinheiro fácil e havia ainda um outro tio de Jerry de origem oriental que trabalhava como detetive, e tinha um filho grandalhão com a maior cara de retardado que usava um quimono de caratê e só tinha tamanho, porque não era capaz de fazer mal a uma mosca. Todos esses personagens eram diferentes caricaturas do próprio Jerry Lewis.


aqui vemos o tio oriental de Jerry, muito parecido com o famoso personagem Charlie Chan dos antigos livros e revistas de mistério

        No Brasil, o desenho estreou pela TV Tupi no começo da década de 70, com a dublagem em português feita pelo estúdio carioca Herbert Richers. Desapareceu da TV brasileira durante muitos anos até ser "ressuscitado" pela TV Bandeirantes em 1988 como uma das atrações do programa infantil "O Circo da Alegria" (apresentado pelos palhaços Atchim e Espirro), e em 1990 "se mudou" para a TV Manchete, onde foi exibido pela última vez, até por volta de 1994. Os roteiros dos episódios do desenho ficaram por conta de Phil Lewis, filho do ator e comediante Jerry Lewis na vida real.


1 comentários:

Anderson "ANDF" Ferreira disse...

Me lembro de assistir pela Manchete, quando criança. Eu gostava. Teve só um episódio dublado pela AIC São Paulo.

Postar um comentário

 
Copyright 2011 @ Blog do Ranger Sombra!
Design by Wordpress Manual | Bloggerized by Free Blogger Template and Blog Teacher | Powered by Blogger